Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 3 de março de 2008



De que é feito a amizade?

De que é feito este sentimento?

Engraçado, eu sempre fiquei pensando em que momento da vida foi criado esse sentimento....a amizade.

Quem será que compôs o primeiro par de amigos da face da terra?

Fico imaginando que eles devem ter tido muitas dificuldades nesse relacionamento, afinal, foram os pioneiros em dar carinho, aparar arestas, serem muitas vezes incompreendidos e ainda assim estarem sempre de braços abertos para receber o outro quando preciso.

Bom, mas o tempo passou e hoje já sabemos muitas coisas sobre amizade.

Há de se entender que a amizade não é algo somente que nos traz alegrias e esse é o maior desafio dela.

Há de se aceitar que se pode ter amigos diferentes de nós, em raça, religião, temperamento, criação, cultura. Isso na verdade não é importante na amizade, nem chega a ser um obstáculo.

Há de se saber que as regras principais da amizade são o respeito, a consideração, a tolerância e a humildade.

O respeito é primordial, aliás em qualquer tipo de relacionamento ele se faz necessário. Pessoas têm seus limites e esses limites devem sempre ser respeitados. O fato de termos amizade e intimidade com alguém , não nos dão o direito de violar certas regras que estão implícitas em uma amizade.

A consideração é um fator muito importante também. Não adianta sermos tudo de bom para alguém e nos momentos mais delicados e necessários para esse alguém, não termos a consideração que se resume na atenção de vida.

Espera-se mesmo que a amizade, como qualquer outro sentimento, seja uma via de mão dupla. Não existe a possibilidade de só darmos,jamais recebermos e ainda assim sermos realizados nesse sentimento.

Não se trata de um toma lá dá cá, mas se trata de um eu me lembro quando eu precisei e você esteve comigo, portanto agora você precisa e eu estou aqui, e isso há de ser feito com um sorriso nos lábios e muito amor no coração.

A tolerância, talvez seja essa a parte principal.
Há de se entender que nenhum ser humano vive em total estado de bom humor a vida toda. Haverá dias que os ânimos não estarão bons, o coração de um deles não estará bem.
Isso sem contar que as pessoas em geral têm os mais diversos tipos de temperamentos e portanto de atitudes.

Há de se saber que para se ter um amigo, alguns momentos desagradáveis dele teremos que suportar, passar por cima mesmo, ignorar, sabendo inclusive que ele em algum instante fará o mesmo por nós se for amizade verdadeira o que ele sente.

Há de se saber, aceitar e entender, que a perfeição em termos de ser humano não existe, cometemos todos, diversas vezes, falhas, enormes falhas. Nenhum de nós é o rei da verdade, nenhum de nós está certo o tempo todo... em algum momento o nosso amigo é que será a parte certa e por mais que o nosso orgulho nos impeça de dizer, teremos que aceitar.

A humildade há de precisar se fazer presente sempre.
Amigos que não convivem com isso, dificilmente conseguirão levar esse relacionamento avante.
Há de se ter humildade pra dizer coisas simples:

Eu não sei,você me ensina?
Eu não consigo,você me ajuda?
Eu não posso, tenho medo, você vai comigo?
Eu errei,você me perdoa?
Eu me arrependi, você me desculpa?
Eu não fui fiel a você, me dá outra chance?
Eu disse o que não devia, você pode esquecer?
Eu ando negligenciando nossa amizade, você me permite recuperar esse tempo perdido?

Amigos não se orgulham de ter orgulho, eles se orgulham é de passar por cima dele no momento que se fizer necessário. Orgulho de amigos tem que estar em tê-los como amigos e em poder dizer a qualquer um:

Sim, ele tem um milhão de defeitos, comete mil erros, falha muitas vezes... mas é meu amigo! ·
... e nessa última frase....mas é meu amigo está implícito, e portanto, apesar de tudo, é com ele que conto na hora da dor e na hora da alegria.

Ser humilde numa amizade não significa se humilhar, significa provar ao outro o seu grau de importância na nossa vida.

Por fim, uma amizade há de ter altos e baixos sim, há de atravessar furacões, cair em abismos, há de se despedaçar, se arrastar, ser vulnerável... mas se for amizade de verdade, há de voltar, envolta em ferimentos, apoiada numa bengala, sangrando até... e há de encontrar o seu companheiro com o curativo nas mãos, amor no coração e disposto a dar o perdão!

Ser amigo é todos os dias aprender alguma coisa nova, é sempre ter algo de que se arrepender, por alguma coisa que se deixou de fazer num momento em que teria sido importante ter feito.

Ser amigo é principalmente dividir uma emoção, saber acalentar um coração e deixá-lo voar pra longe de nós quando ele precisar.


Nenhum comentário: